Compras pelo celular crescem no Brasil

A previsão é que o comércio mobile se desenvolva 46% até 2016

Cada vez mais os brasileiros aderem a modalidade de compras pela web via smartphones ou tablets. O PayPal (sistema de pagamentos on-line) divulgou um estudo realizado em parceria com a Ipsos, apontando que o volume de vendas efetuadas via dispositivos móveis deve crescer em média 46% ao ano entre 2013 e 2016. Já o comércio eletrônico como um todo tem estimativa de apenas 17%. Nesse levantamento foram entrevistadas 17,5 mil pessoas em 22 países, sendo 800 no país.

Para Renato Pelissaro, diretor de Marketing do PayPal para a América Latina, essa é a evolução natural do comércio eletrônico. A tendência já foi percebida pelos varejistas e as principais redes estão investindo na criação de aplicativos próprios ou em sites desenvolvidos especialmente para essas plataformas.

O levantamento realizado reúne dados interessantes:

  • Em 2013 foram gastos US$ 102 bilhões em compras por celular ou tablet;
  • A previsão é que chegue a US$ 291 bilhões em 2016;
  • Quem opta pela compra feita pelo mobile, na maioria das vezes é o público jovem;
  • 61% dos que adquirem produtos e serviços dessa forma têm entre 18 e 34 anos, no Brasil;
  • No país, o volume de vendas ainda é relativamente baixo, foram gastos cerca de R$ 15,1 bilhões no ano passado em compras mobile – um sexto do total de R$ 93 bilhões movimentados pelo e-commerce.

Principais dificuldades apontadas pelos consumidores sobre esse modelo de compra:

  • 31% reclamaram da tela pequena. O tamanho dificulta a avaliação do produto antes da compra;
  • Temor em relação à segurança;
  • Dificuldade para digitar.

Mercado tecnológico

As grandes desenvolvedoras de tecnologia mobile já estão voltadas para criação de dispositivos que facilitem a compra; a ideia é transformar um smartphone em substituto da carteira. A Apple lançou em 2014 um sistema de pagamentos próprio; enquanto a Samsung anunciou recentemente a compra da LoopPay.

Deixe um Comentário





Mais Notícias

ter-um-site

Por que ir além das redes sociais e investir na criação de um site?

franquia-hostnet-maringa-mkt-digital

Franquia Hostnet Maringá é destaque em programa de TV

Hostnet-usa-apoia-software-livre

Software Livre faz parte da cultura da Hostnet

criar-site

Motivos para você reformular o seu site e mantê-lo atualizado

hostcast-2

Assine nossos FEEDS