SEO para WordPress

De Wiki Hostnet
Ir para: navegação, pesquisa

Seo-and-wordpress-working-together.jpg


Uma das maiores vantagens de se usar o WordPress é ter diversos plugins à disposição para automatizar tarefas e facilitar a vida de programadores e gestores de conteúdo em geral. Estes mecanismos são frequentemente atualizados assim como a plataforma do WordPress, ficando sempre em dia com as evoluções dos algorítimos dos motores de busca, na maioria das vezes com foco na evolução contínua do Google.

Nesse artigo vamos explicar como você pode melhorar o SEO do seu site usando o Plugin e também algumas dicas do que fazer no WordPress sem usar plugin.


SEO para WordPress usando o plugin Yoast SEO

Cada plugin de SEO para WordPress existente tem funcionalidades diferentes, uns auxiliam a performance, há aqueles que melhoram o código e outros fazem uma auditoria completa do conteúdo em tempo real para auxiliar os geradores de conteúdo, como é o caso do Yoast SEO.

O plugin Yoast SEO é sem dúvidas o plugin de SEO para WordPress mais utilizado por suas vantagem, começando por seu auxílio em tempo real aos gestores de conteúdo. Ao mesmo tempo que se escreve um artigo ele atualiza um checklist mostrando o que foi feito para otimizar o SEO e o que precisa ser feito para melhorar.


Dicas de SEO para WordPress sem a utilização de Plugins

Você também pode usar ténicas básicas para melhorar a indexação do seu site nos buscadores.


Definindo título do site, URLs amigáveis e indexação nos mecanismos de busca

No menu Configurações do painel administrativo, encontramos essas três formas de otimização para os mecanismos de busca. No submenu Geral, podemos usar estrategicamente os campos Título do site e Descrição inserindo as palavras-chave para as quais o site ou blog deve ficar bem posicionado nos resultados de busca. Como título, defina o nome do site ou blog e na descrição, insira a(s) palavra(s)-chave para o ranqueamento.


Sss1.png


Com o submenu Leitura, ao marcar ou desmarcar um checkbox, consigo permitir ou bloquear a indexação do site ou blog. Marcando o checkbox, eu consigo facilmente inserir a tag <meta name='robots' content='noindex,nofollow' /> sem demandar esforço algum. Sempre deixe esse checkbox desmarcado, afinal a intenção aqui é fazer com que seu site/blog seja indexado, não é mesmo?


Sss2.png


E como os mecanismos de busca adoram URLs amigáveis, o WordPress possui no submenu Links permanentes que seja alterada a estrutura de links, sem necessidade de reescrita via arquivo .htaccess. A mais recomendada é a Nome do post, em que as URLs terão a seguinte estrutura:

http://meusite.com.br/nome-do-post-ou-pagina


Sss3.png


Títulos de posts e páginas e otimização de seu conteúdo

Sss5.png


Nos campos Título de posts ou páginas, insira sempre que possível a(s) palavra(s)-chave, priorizando seu posicionamento no início do título. Como a marcação dos títulos do WordPress é bastante otimizada, é só dar aquela forcinha para que os robôs encontrem a(s) palavra(s)-chave mais facilmente nos títulos.

Já para o conteúdo, use a(s) palavra(s)-chave com moderação, destacando-as por negrito ou itálico. As tags <strong> e <em> dão um reforço ao mostrar que aquela(s) palavra(s)-chave são importantes dentro do conteúdo. Mas cuidado para não incluir negritos e itálicos demais, pois isso só atrapalha na leitura pelo usuário e na otimização do seu conteúdo, pois o mecanismo de busca pode achar isso uma técnica de black hat chamada keyword stuffing (quantidade excessiva de palavra-chave no conteúdo para fatores de ranqueamento).

E uma outra dica: escreva conteúdo relevante e com frequência. Isso é bem visto pelos mecanismos de busca e ajudam no ranqueamento.


Fazendo linkagem interna em posts e páginas

Uma boa estratégia de SEO é fazer linkagem interna ao se publicar conteúdos em páginas ou posts. Os mecanismos de busca seguem links, por isso é importante inseri-los junto ao conteúdo. Pode-se linkar para páginas, posts, categorias, tags, etc, reforçando a indexação desse conteúdo. Boa estratégia em sites/blogs com muito conteúdo publicado para indexar aquelas páginas que o mecanismo de busca ainda não indexou por algum motivo.


Sss6.png


Ao selecionar o texto que servirá para a linkagem e usar a ferramenta de adição de links, podemos adicionar links para conteúdos dentro ou fora do blog/site. Infelizmente, para os conteúdos internos do site, somente é possível escolher por essa ferramenta posts e páginas para linkagem, mas pela adição de outros links, cole a URL de categorias, tags ou outro conteúdo.

Pense bem em qual texto-âncora usar para a linkagem, pois utilizar a(s) palavra(s)-chave nele também é uma boa estratégia de SEO.


Otimização de imagens

Costuma-se dizer que os mecanismos de busca são cegos quando o assunto é imagem. Eles apenas leem textos e links, por isso precisa-se adotar estratégias diferenciadas quando se quer indexar uma imagem nos resultados de busca.

Antes de fazer o upload de uma imagem, se necessário, renomeie o arquivo para que o nome retrate bem o que a imagem transmite. Por exemplo, se você tem uma foto de um cachorro e o arquivo está com o nome 1234.jpg, seu arquivo deveria ser renomeado para cachorro.jpg.


Sss7.png


Depois do upload feito, antes mesmo de inseri-la em um post ou página, altere o título e o texto alternativo da imagem. Assim como nos posts e páginas, assim como no site, o título de imagens também é muito relevante para a indexação. Já o texto alternativo é a chamada tag , lida pelos mecanismos de busca em que se pode especificar ainda mais do que se trata a imagem, inserindo sempre que possível a(s) palavra(s)-chave. Cuidado para não cair mais uma vez na técnica de keyword stuffing. Mecanismos de busca não veem com bons olhos uso excessivo de palavra(s)-chave.


Dica preciosa para SEO:

Antes de qualquer alteração, pense como o usuário se sentiria ao acessar o seu site/blog.

SEO é feita para mecanismos de busca, mas deve ser pensado em primeiro lugar no usuário.

Lembre-se que os mecanismos de busca levam isso em conta!


Conteúdo importante para WordPress: