Logo PrestaShop

Meios de pagamento

Módulos de Pagamento

Faz-se necessário configurar a forma de pagamento, visto que sua loja tem o objetivo básico de… Ganhar dinheiro. Com o PrestaShop, você pode aceitar as transações feitas por seus clientes usando diferentes métodos de pagamento, como cheques, transferência bancária, dinheiro na entrega e muitos outros módulos associados, como PayPal, Moneybookers, Hipay, etc.

Na página “Pagamento”, você encontrará as seguintes seções:

  • Lista de módulos de pagamento . Basicamente, um acesso direto à seção “Plataforma de pagamento” da página “Módulos”. Você pode instalar módulos diretamente a partir desta página .
  • Três seções “restrições”:
    • Restrições por moeda . Escolha a moeda com a qual os módulos de pagamento instalados devem funcionar.
    • Restrições por grupo . Escolha os grupos de usuários com os quais seus módulos de pagamento instalados deveriam funcionar.
    • Restrições por país . Escolha os países com os quais seus módulos de pagamento instalados devem funcionar.

Instalando um módulo de pagamento

A instalação de um módulo de pagamento não é diferente da instalação de qualquer outro módulo: basta clicar no botão “Instalar”, tudo o que você precisa fazer é configurar o módulo. 
Você deve prestar muita atenção à configuração desses módulos de pagamento e verificar se o seu endereço ou conta bancária está estabelecido nesses módulos. Para a configuração de alguns dos módulos de pagamento, você terá que estabelecer os dados fornecidos pelo provedor de serviços, então você terá que ter uma conta nele.

Vamos exemplificar com o módulo do serviço PagSeguro. Feita a instalação, você clica em Configurar, e será necessário você ajustar 2 configurações: O e-mail para cobrança (na verdade, o e-mail que foi cadastrado por você no PagSeguro), e um token de segurança. Abaixo vai uma imagem da página do módulo Pagseguro, do PrestaShop, e as opções que deverão ser configuradas por você:

pagseguro no PrestaShop

Se você não tem uma conta no PagSeguro, então é necessário criar uma conta. De modo análogo você pode proceder para configurar sistemas como o MercadoPago, o Paypal ou outros.

Restrições por Moeda dos Módulos de Pagamento

Dependendo do método de pagamento escolhido pelo cliente, as opções permitidas para o pagamento podem variar.
Você pode limitar a escolha dos métodos de pagamento com base nas moedas disponíveis: você pode querer que os clientes possam pagar com qualquer moeda, ao usar o PayPal, mas os clientes que usam PagSeguro só podem pagar em dólares, por exemplo.

Tenha em mente que as restrições monetárias funcionam de maneiras diferentes, dependendo do módulo de pagamento:

  • Para módulos com dinheiro na entrega, você não pode alterar as configurações padrão.
  • Para módulos com transferência bancária, pagamento por cheque, etc, você pode alterar a configuração definida, exceto as opções “Moeda do cliente” e “Moeda da loja padrão”, que permanecerão em seu estado padrão.
  • E para outros módulos como Hipay ou PayPal, você pode alterar a configuração definida, mas você só pode escolher entre “Moeda do Cliente” e “Moeda Padrão da Loja”, e não ambas.

O cliente pode estabelecer a moeda com a qual ele deseja que a loja funcione, usando o menu drop-down localizado na parte superior de cada página do front-office.

Restrições por Grupo de Módulos de Pagamento

Você pode limitar a escolha dos módulos de pagamento disponíveis com base em grupos de clientes: você pode ter um certo número de grupos de clientes que têm acesso a uma maior quantidade de métodos de pagamento.

Por exemplo, você pode estabelecer que os clientes que não pertencem a um grupo especial pagam pelo PayPal, enquanto outros clientes pertencentes a outro grupo podem fazer seus pagamentos por transferência bancária. Dependendo do tipo de cliente e suas opções, os clientes só podem pagar com os métodos de pagamento que você estabeleceu para eles.

Restrições por países dos módulos de pagamento

Você pode limitar a escolha dos módulos de pagamento disponíveis de acordo com o país de origem de seus clientes. Por exemplo, você pode optar por aceitar todos os métodos de pagamento para clientes da França, Espanha e Alemanha, enquanto os clientes da Itália, Reino Unido e Suíça só podem pagar por transferência bancária.

A tabela lista todos os países conhecidos. Se faltar um, você pode adicioná-lo usando a página “Países”, no menu “Localização”. Tal como acontece com as limitações das moedas, as opções disponíveis variam dependendo do módulo de pagamento:

  • Para alguns, a única opção é o seu próprio país .
  • Para outros, as únicas opções são os países suportados pelo serviço: Áustria, Bélgica, França, etc.
  • Todos os outros módulos de pagamento nativos devem funcionar com todos os países.

Encontre o país que deseja configurar na lista de países (ordenado alfabeticamente) e marque as caixas para estabelecer os métodos de pagamento que você deseja estar disponíveis para clientes nesse país. Depois de configurar os métodos de pagamento para esse país, clique no botão “Salvar restrições”, que você encontrará no final da tabela.
Por padrão, todos os métodos de pagamento instalados estão habilitados para o país da loja.

Dúvidas Frequente

Transação Inválida no PagSeguro

Ao finalizar a compra utilizando o método de pagamento PagSeguro, é exibida a seguinte mensagem de erro “Transação inválida. Sempre inicie transações a partir de sites confiáveis”. Como corrigir:

  1. Acesse a área administrativa de sua conta no PagSeguro através do endereço https://pagseguro.uol.com.br/ .
  2. Procure pelo item “Integrações” do menu da área administrativa e clique sobre ele.
  3. Selecione a opção “Pagamentos via API”.
  4. Por fim, basta desmarcar a opção “Quero receber somente pagamentos via API”.

Regras para Preço

Todo mundo gosta de um desconto. Infelizmente, muitos deixam esse desejo desenfreado pelo desconto correr solto, chegando ao ponto de sacrificar a qualidade em detrimento de alguns centavos. Mas clientela conquista-se, com um ótimo atendimento e também com descontos! Sim, você pode querer realizar uma promoção que atingirá sua clientela, e uma ótima maneira de fazer isso é criando cupons de desconto. O PrestaShop não traz mais a funcionalidade de criação de cupons de desconto, mas sim regras para preço. Essas regras, que substituem os cupons de desconto com vantagens, podem ser gerados para clientes únicos, grupos de clientes, para seleção de produtos específicos ou para todos aqueles que estejam cadastrados no seu sistema.

Todas estas opções estão visíveis, a partir do Painel Administrativo do PrestaShop, no menu principal do lado esquerdo, na opção Regras de Preço. A sessão regras do carrinho é o método que substituiu o cupom de desconto, nessa versão do Prestashop. Já a sessão de Regras de Preço do Catálogo define descontos dependendo da mercadoria, da data e da localidade.

Regras do carrinho (ou cupons de desconto)

No momento não há nenhuma regra. Então, para criar uma nova regra, clique no botão Adicionar Novo. Você terá uma nova página como a abaixo:

Note que temos 3 seções. Iremos vê-las, uma a uma:

Informação

Aqui, temos informações e principais definições. Na ordem, temos:

  • Nome: Nome da regra de carrinho;
  • Descrição: Uma descrição mais detalhada da regra;
  • Código: O código dessa regra, que pode ser gerada aleatoriamente pelo Prestashop;
  • Destaque: Se você quiser que o usuário saiba que um cupom de desconto correspondente aos itens no carrinho está disponível e pode ser usado;
  • Uso parcial: Se você mantiver na primeira posição (Sim), um novo cupom de desconto será criado se o cupom atual não for completamente usado. Se estiver na segunda posição (Não), o cupom somente poderá ser usado uma vez;
  • Prioridade: Se um cliente (ou grupo de clientes) forem aptos para mais de um cupom, ou se mais de um cupom pode ser aplicado para um pedido, então o Prestashop faz uso dos cupons na ordem alfabética. Caso você queira uma ordem diferente, basta colocar uma prioridade menor para o cupom. Todos têm prioridade 1, mas números maiores fazem com que um cupom seja aplicado depois de outros com numeração menor;
  • Estado: Se você quiser que o cupom esteja disponível ou não.
Condições

Aqui serão definidas as regras para que o cupom de desconto (ou regra do carrinho) possa ocorrer. São elas:

  • Limite para um único cliente: você pode limitar o cupom a um cliente apenas. Basta colocar o nome dele aqui. Se quiser que a regra esteja disponível para todos, deixe este campo em branco. Se você quiser limitar a um grupo de clientes, marque a opção Grupo de clientes selecionados, abaixo;
  • Válido: Prazo de validade do cupom, em termos de data e hora. O período padrão é de um mês;
  • Valor mínimo: Qual será o valor mínimo para o carrinho, com ou sem os impostos, e com ou sem transporte;
  • Total disponível: Quantos cupons estarão disponíveis. Se for 1, somente um cupom estará disponível para um cliente. Se o número for maior, aí você terá vários cupons disponíveis para os clientes. A regra do carrinho será aplicada aos primeiros clientes que chegarem;
  • Total disponível para cada usuário: Quantos cupons podem ser usados por cada cliente. Logo, o cliente será capaz de usar está regra de carrinho um certo número de vezes;
  • Seleção de carrinho: Se você quiser que esse desconto esteja vinculado a uma transportadora específica, marque esta restrição e selecione a transportadora;
  • Grupo de clientes selecionados: Se você quiser que o cupom seja dado a um grupo de clientes e não a todos ou não a um, marque esta restrição e no campo Limite para um único cliente, coloque o nome do grupo;
  • Seleção de produtos: Se você quiser que o cupom esteja vinculado a um conjunto de produtos, marque esta restrição e novos itens aparecerão abaixo. Ali você deverá criar o grupo de produtos com os quais você irá vincular ao cupom. Selecione o elemento que unirá todos os itens (na opção Adicionar uma regra relativa) e depois, clique em Escolha para selecionar os produtos que farão parte desse agrupamento.
Ações

Aqui, você definirá qual ação será tomada. São estas as opções:

  • Frete grátis: Se você quiser reverter o desconto na forma de frete grátis, marque esta opção;
  • Aplicar desconto: Marque aqui qual será o tipo de desconto a ser aplicado, se será em porcentagem (marque e depois defina o porcentual) ou em moeda corrente (marque e defina o valor a ser descontado);
  • Enviar um presente gratuito: Se você tiver interesse em presentear o seu cliente com um brinde, marque essa opção e defina qual é o produto a ser enviado.

As Regras de preço do catálogo são regras que estabelecem reduções de preço por categoria, fabricante, fornecedor, atributo ou característica. Por exemplo, você pode criar uma regra onde toda última sexta-feira do mês de novembro (a famosa “Black Friday”), descontos de 10% sejam dados em todos os seus produtos. Ou então, aqueles clientes que estão categorizados como “Clientes VIP” terão 10% de desconto na seção de eletrônicos da sua loja, ou ainda todos os produtos fabricados pela Panasonic que você comercializa estarão em promoção na primeira semana do mês de julho. Esses exemplos dados acima podem ser combinados entre si, de forma a obter combinações que sejam realmente interessantes para você e sua clientela.

Para criar uma nova regra de preço de catálogo, selecione a opção Regras de preço de catálogo, e depois clique em Adicionar novo. Você verá uma página como a abaixo:

Aqui, você pode definir essa nova regra. Vamos aos elementos disponíveis no campo Regras específicas de preços:

  • Nome: Nome da regra;
  • Moeda: Moeda corrente na qual essa regra valerá;
  • País: País na qual essa regra valerá;
  • Grupo: Grupo no qual essa regra valerá;
  • Desde quantidade: A regra é aplicável se forem adquiridos um número mínimo de produtos;
  • Preço (tax exc): A regra aplica-se para pedidos onde o preço é pelo menos igual a este valor;
  • De e Para: A regra aplica-se para pedidos feitos em um intervalo de tempo definido entre os limites estabelecidos;
  • Tipo de redução: A redução pode ser de valor ou porcentagem;
  • Desconto com ou sem impostos: Defina se o desconto será incluso no imposto ou não;
  • Redução: Qual é o valor da redução, em moeda corrente.
Condições

Você tem um grupo de condições para essa regra, que podem ser condições relacionadas à categoria (do produto), fabricante, fornecedor, atributos (como cor, espaço em disco, acabamento, entre outros), e características (como altura, largura, profundidade, entre outros).

Feito isto, clique em Salvar para concluir a criação da regra.

Meios de Entrega

Uma loja online depende fundamentalmente da gerência de estoque (para não vender o que não tem) e da logística de entrega dos produtos vendidos.  Portanto um método de envio de seus pacotes é um elemento-chave na gestão e no sucesso da sua loja. Você deve levar em consideração a grande variedade de métodos disponíveis, a capacidade de combinar vários operadores, impostos regionais ou internacionais, o peso e o preço do próprio produto. Para isto, faz-se necessário usar os serviços de empresas que façam o transporte, e a mais comum de todas é os Correios. O PrestaShop tem um módulo especialmente preparado para gerenciar a parte do frete e dos Correios.

Módulo dos FKCorreios

Configuração Geral

CEP
  • Meu CEP: Informe o CEP de onde serão despachados os produtos. Este CEP será utilizado como base do cálculo do frete até seu destino.
  • Minha cidade: Neste campo deve ser informado os intervalos de CEP de sua cidade. Informe o CEP inicial e o CEP final e clique no botão incluir. Os intervalos de CEP serão mostrados no campo logo abaixo em formatação especial. Caso necessário, este campo pode ser editado manualmente, no entanto deve ser tomado cuidado com sua formatação. Veja aqui o link dos correios para pesquisa.

OBS: Caso sua cidade seja uma metrópole cujas cidades vizinhas são tratadas como parte integrante de sua cidade, o intervalo de CEP das mesmas também deve ser cadastrado (essas informações podem ser obtidas junto aos Correios de sua cidade).

Serviços

Marque os serviços adicionais que serão contratados junto aos Correios para suas entregas. A contratação destes serviços implica em aumento do valor do frete.

  • Mão Própria: Serviço pelo qual o remetente recebe a garantia de que o objeto postado (encomenda ou carta registrada) será entregue somente ao remetente.
  • Valor Declarado: serviço que garante o valor real do objeto postado sob registro em caso eventual de avaria ou extravio.
  • Aviso de Recebimento: serviço que, por meio do preenchimento de formulário próprio, permite comprovar, junto ao remetente, a entrega do objeto.
Frete e Envio
  • Preparação em dias: Informe a quantidade de dias que deve ser adicionado ao prazo de entrega.
  • Unidade de Envio: O cálculo do frete dos Correios é baseado no volume e peso dos produtos. Nesta opção deve ser marcado como o módulo deve proceder o cálculo:
    • Pacote: Com base nas dimensões e pesos cadastrados para o produto, o módulo irá criar automaticamente a melhor embalagem para acondicioná-los. Esta opção permite a melhor otimização possível para acondicionamento dos produtos e consequentemente melhor preço do frete. Para exemplificar o funcionamento desta opção é como se o módulo empilhasse os produtos aproveitando da melhor maneira os espaços entre eles. Com a utilização desta opção, não é necessário o cadastramento de embalagens na aba específica do módulo.
    • Embalagens padrão: Com base no volume cúbico dos produtos, o módulo escolherá a melhor embalagem cadastrada para acondicioná-los. O módulo tentará acondicionar vários produtos em uma mesma embalagem para otimizar o valor do frete. Para uso desta opção é obrigatório o cadastramento de embalagens na aba específica do módulo. Note que os Correios possuem restrições quando às dimensões das embalagens. Estas restrições podem ser visualizadas na aba Especificações Correios.
    • Embalagem individual: O cálculo será feito individualmente por produto como se fossem entregues em remessas diferentes. Nesta opção, o valor do frete pode duplicar, triplicar, etc., de acordo com a quantidade de produtos do pedido.
  • Cálculo com base somente nas tabelas offline: Marque essa opção para que o cálculo seja efetuado com base nas tabelas offline previamente calculadas. Nesta opção não haverá acesso ao web services dos Correios e é válida somente para PAC e SEDEX.
  • Quando frete grátis, disponibilizar demais transportadoras com valores: Marque se além da transportadora definida para o Frete Grátis, as demais opções de envio com valores de frete devem aparecer como opção ao cliente.
Bloco de Simulação do Frete

Neste bloco serão encontradas configurações que permitem controlar os locais onde o Simulador de Frete deve ser mostrado e também vários aspectos referentes ao design do mesmo.

Bloco de rastreio de encomendas

Nesta opção marque onde deverá ser mostrado o bloco de rastreio de encomendas dos Correios.

Diversos

Excluir Configuração do Módulo na desinstalação: Marque esta opção se desejar que as configurações efetuadas no módulo sejam excluídas na desinstalação do mesmo.

Cadastro CEP

Este cadastro é importante no processamento da área de atuação das Regiões definidas e também no cálculo das tabelas offline. Ele vem previamente cadastrado, mas é importante periodicamente verificar junto aos Correios se houve alterações no Intervalo de CEP dos Estados e no Intervalo de CEP das Capitais.

Esta verificação pode ser feita através do link: Link dos Correios para pesquisa. Caso seja necessário atualizar atente para a formatação dos campos.

Cadastro Embalagem

Aqui devem ser cadastradas as embalagens quando utilizada a opção Embalagens Padrão. As embalagens devem ter suas dimensões de acordo com as especificações dos Correios. Quando informado o Peso da caixa, este será somado ao peso dos produtos para efeito de cálculo, assim como o Preço de Custo da caixa será somado ao valor do frete.

Especificações Correios

Esta opção contém as especificações dos serviços dos Correios. Clique no serviço para que sejam mostrados os campos.

  • Código de Serviço: Se tiver contrato junto aos Correios, informe os campos solicitados para que o cálculo seja baseado no acordo contratual. Estes campos são obrigatórios para os serviços E-SEDEX e PAC-GF.
  • Dimensões e Pesos: Somente necessitam ser alterados se houver mudanças nas especificações por parte dos Correios.
  • Intervalo de Pesos – Estadual: Somente necessitam ser alterados se houver mudanças nas especificações por parte dos Correios.
  • Intervalo de Pesos – Nacional: Somente necessitam ser alterados se houver mudanças nas especificações por parte dos Correios.
  • Valores base cálculo – offline: Estes valores devem ser atualizados quando houver atualização de tarifas dos Correios. Note que se alterado, as tabelas offline devem ser regeradas.

Serviços

Nesta opção é onde devem ser ativados os serviços dos Correios que serão liberados aos clientes. Clique no serviço para que sejam mostrados os campos a ser configurados.

  • Ativo: Marque para ativar o serviço.
  • Grade de velocidade: Este campo informa ao Prestashop a velocidade de entrega do serviço. O valor pode variar de 0 a 9, sendo que o valor 0 indica o de menor velocidade.
  • Estados atendidos: Utilize este campo para definir a área de atuação do serviço a nível de Unidade da Federação. Os Estados que serão atendidos pelo serviço devem ser marcados e podem ser configurados para atender a Todo o Estado, Somente Capital ou Somente Interior. Observe que quando marcado um Estado não é necessário especificar o Intervalo de CEP correspondente na opção Intervalo de CEP Atendidos.
  • Intervalo de CEP atendidos: Neste campo podem ser informados os intervalos de CEP em que o serviço ficará disponível aos clientes. Informe o CEP inicial e o CEP final e clique no botão incluir. Após isso os intervalos de CEP serão mostrados no campo logo abaixo em formatação especial. Caso necessário, este campo pode ser editado manualmente, no entanto deve ser tomado cuidado com sua formatação. Note que o intervalo de CEP relacionados neste campo serão atendidos pelo serviço independentemente dos Estados selecionados.
  • Intervalo de CEP excluídos: Neste campo podem ser informados os intervalos de CEP que o serviço não deve atender. Informe o CEP inicial e o CEP final e clique no botão incluir. Após isso os intervalos de CEP serão mostrados no campo logo abaixo em formatação especial. Caso necessário, este campo pode ser editado manualmente, no entanto deve ser tomado cuidado com sua formatação.
  • Desconto no frete: Caso queira fornecer desconto no frete aos clientes, informe o percentual do desconto e a partir de qual valor do pedido deve ser concedido o desconto.
  • Logo do serviço: Selecione o logo a ser utilizado pelo serviço. Para melhor visualização (responsive) utilizar largura igual ou maior que 200px e altura igual ou menor que 200px.

Frete Grátis

Aqui serão definidas as regiões de Frete Grátis, sendo que estas podem ser definidas para determinadas regiões, por valor do pedido e para produtos específicos.

Importante: Não podem ser definidas regiões de frete grátis sobrepostas. Ex: Região 1 para o Estado de SP e a Região 2 também para o Estado de SP.

  • Ativo: Marque para ativar a região.
  • Nome da Região: Informe um nome para identificação da região.
  • Estados atendidos: Utilize este campo para definir a área de atuação do frete grátis a nível de Unidade da Federação. Os Estados que serão atendidos pelo serviço devem ser marcados e podem ser configurados para atender a Todo o Estado, Somente Capital ou Somente Interior. Observe que quando marcado um Estado não é necessário especificar o Intervalo de CEP correspondente na opção Intervalo de CEP Atendidos.
  • Intervalo de CEP atendidos: Neste campo podem ser informados os intervalos de CEP em que o frete grátis ficará disponível aos clientes. Informe o CEP inicial e o CEP final e clique no botão incluir. Após isso os intervalos de CEP serão mostrados no campo logo abaixo em formatação especial. Caso necessário, este campo pode ser editado manualmente, no entanto deve ser tomado cuidado com sua formatação. Note que o intervalo de CEP relacionados neste campo serão atendidos pelo frete grátis independentemente dos Estados selecionados.
  • Intervalo de CEP excluídos: Neste campo podem ser informados os intervalos de CEP que o frete grátis não deve atender. Informe o CEP inicial e o CEP final e clique no botão incluir. Após isso os intervalos de CEP serão mostrados no campo logo abaixo em formatação especial. Caso necessário, este campo pode ser editado manualmente, no entanto deve ser tomado cuidado com sua formatação.
  • Valor do pedido: Informe neste campo a partir de que valor de pedido o cliente poderá ter frete grátis. Importante: valor zero indica que a região não será selecionada de acordo com o valor do pedido.
  • Produtos com frete grátis: Inclua os IDs dos produtos que terão frete grátis na região. Para criar a tabela de produtos com frete grátis, digite seu ID no campo apropriado e clique no botão Incluir.
  • Transportadora definida para o frete grátis: Selecione a transportadora que será utilizada para envio de pedidos com frete grátis.

Tabelas Offline

Nesta opção serão geradas as tabelas offline para os serviços PAC e SEDEX, que serão utilizadas no caso de problemas com o web services dos Correios ou se selecionada a opção de cálculo somente offline. Utilize o navegador Firefox para gerar as tabelas. Os demais navegadores não atualizam a tela durante o processamento, o que pode dar a falsa impressão de que o processamento está com problemas. Pode ocorrer do navegador enviar mensagem informando que a página parou de responder, deve ser respondido para continuar aguardando. Este processo pode ser lento, visto que depende do tempo de resposta do web services dos Correios. Para gerar as tabelas proceda conforme segue:

  • Clique para abrir as opções do PAC;
  • Clique no botão Processar Todos e aguarde o término do processamento de todas as tabelas;
  • Ao final do processo algumas tabelas podem ter acusado erro. Localize-as e clique no botão Processar esta Tabela correspondente. Faça este procedimento para todas as tabelas com erros;
  • Clique no botão Salvar;
  • Repita o procedimento para o serviço SEDEX

Cálculo do Correio

Para calcular o custo do frete o sistema dos Correios utiliza as seguintes variáveis:

  • Distância entre a origem e o destino, calculado pelo CEP;
  • Peso da encomenda;
  • Dimensões da encomenda ( Altura, largura e comprimento );

E utiliza as seguintes fórmulas:

peso cúbico = ( ( Altura, largura e comprimento ) * quantidade ) / 6000

peso bruto = peso * quantidade

O custo do frete dependerá do resultado obtido nas fórmulas acima:

a) Se o peso cúbico for menor ou igual a 10Kg, usa-se o peso bruto para se obter o custo do calcular o frete.
b) Se o peso cúbico for maior que 10Kg, usa-se o maior valor entre o peso bruto e o peso cúbico.

Exemplos:

1) Para 1 produto que tem peso bruto de 2Kg e as seguintes dimensões ( comprimento = 40cm, largura = 40cm, altura = 30cm ). Temos:

peso cúbico = ( ( Altura, largura e comprimento ) * quantidade ) / 6000
peso cúbico = ((40*40*30)1)/6000
peso cúbico = 48000/6000
peso cúbico = 8kg

8Kg é menor que 10Kg, então usa-se o peso bruto no cálculo.

2) Para 1 produto que tem peso bruto de 2Kg e as seguintes dimensões ( comprimento = 40cm, largura = 40cm, altura = 60cm ). Temos:

peso cúbico = ( ( Altura, largura e comprimento ) * quantidade ) / 6000
peso cúbico = ((40*40*60)1)/6000
peso cúbico = 96000/6000
peso cúbico = 16kg

16Kg é maior que 10Kg, então o sistema escolhe o maior valor entre peso bruto ( 2kg ) e peso cúbico ( 16kg ). Usa-se o peso cúbico.

Importante: O coeficiente volumétrico de 6000cm³ e o limite de 10kg são definidos pelos Correios e não pela Hostnet. Limites de dimensões e peso

Para o correto funcionamento do cálculo através do servidor do Correios, o peso e as dimensões dos produtos devem estar devidamente configuradas, seguindo as regras abaixo:

  1. O comprimento não pode ser inferior a 16 cm e superior a 105 cm;
  2. A altura não pode ser inferior a 2 cm e superior a 105 cm;
  3. A largura não pode ser inferior a 11 cm e superior a 105 cm;
  4. A soma máxima das dimensões: comprimento + altura + largura não podem ser superior a 200 cm;
  5. O peso não pode ser inferior a de ser 0.300 Kg e seu valor máximo varia de acordo com serviço de transporte:
    1. PAC: 30 Kg;
    2. SEDEX: 30Kg;
    3. SEDEX 10: 10Kg;
    4. SEDEX Hoje: 10Kg;

Importante: É necessário configurar esses limites em “Entrega > Faixas de Peso” e também configurar “Comportamento fora do intervalo:” em “Entrega > Transportadoras > Editar”.

Páginas Relacionadas