Veja com exportar resultados nos formatos CSV,XLS e SPSS no LimeSurvey

Você colocou a sua pesquisa no ar? As pessoas estão respondendo? Ótimo, agora é hora de ver como vão os resultados, e exportá-los. Para fazê-lo, antes de tudo clique no ícone responsável por você ver os resultados, que é este aí do lado. Depois, clique nesse ícone () para entrar na página de opções de exportação.

Para uma aplicação (Excel/.csv)

A primeira de todas as opções de exportação é para o formato CSV. O formato CSV nada mais é do que um arquivo-texto, com cada célula separada por vírgula. Qualquer planilha eletrônica é capaz de abrir arquivos nesse formato. Abaixo temos uma imagem com a página de opções, que iremos comentar abaixo:

  • Geral
    • Alcance:Aqui, você pode definir que quer trabalhar com um conjunto de registros, tipo de X até Y, sendo que X e Y estão entre 1 e o número de respostas que sua pesquisa obteve.
    • Estado de conclusão: Aqui, pode ser definido quais os registros serão exportados: Todos, somente as respostas completas (que foram finalizadas) ou somente as respostas incompletas (que não foram finalizadas).
  • Perguntas
    • Tipo de cabeçalho: Abreviado, completo ou somente os códigos das perguntas.
    • Converter espaços no texto das perguntas para underscore (_).
  • Respostas
    • Você pode exportar as respostas completas, ou os códigos das respostas: Aqui, você pode exportar todas as respostas, ou converter os códigos das respostas (Y ou N) para uma variável definida. Por exemplo, sempre que houver Y como resposta, no processo de exportação, o LimeSurvey converteria para 1.
  • Formato
    • Aqui você pode optar pelos formatos Microsoft Word (usando um conjunto de caracteres latinos), Microsoft Excel (que pode trabalhar com todos os conjuntos de caracteres), arquivo no formato CSV (todos os conjuntos de caracteres) ou ainda PDF.
  • Controle de coluna
    • Define quais respostas deverão ser exportadas. Aqui, você pode selecionar uma sequência de colunas (pressionando SHIFT, clicando na primeira e na última colunas), colunas diversas (pressionando CONTROL e clicando nas colunas desejadas), todas ou apenas uma. Note que todas as respostas nessa lista são representadas pelo seu identificador, que é o código ID que aparece ao lado de cada item da sua pesquisa. Abaixo temos uma imagem onde podemos ver o identificador:

  •  Agora,se você for trabalhar com pesquisas que fazem uso de token (ou seja, não anônimas), você pode filtrar a saída com base em um ou mais tokens.

Para o formato SPSS

O software IBM SPSS Modeler é um aplicativo de análise preditiva, e que você pode usar para procurar padrões e tendências em dados estatísticos. O site onde você pode encontrar maiores informações é http://www.spss.com.br/

Logo, para exportar o resultado da sua pesquisa no formato SPSS, clique no ícone ao lado  , e aí você entrará numa nova página, como a abaixo:

Quando você for exportar para o formato SPSS, há duas opções de filtros: Você pode selecionar quais dados serão exportados (todos os registros/apenas os registros completos/apenas os registros incompletos), e para qual versão do SPSS você irá exportar (até a versão 16 ou versão 16 ou superior).

A exportação consiste em dois arquivos:

  • Um arquivo de sintaxes (survey_xxxx_SPSS_syntax_file.sps)
  • Um arquivo de dados (survey_xxxx_SPSS_data_file.dat).

Após ter baixado ambos os arquivos exportados, você pode abrí-los usando um editor de textos (Notepad, ktext ou gedit, por exemplo), para ver como os dados exportados estão arranjados.

  • O arquivo de sintaxe contém só comandos que devem ser executados para importar dados, e está tudo arranjado como se fosse uma linguagem de programação para o SPSS.
  • O arquivo de dados contém um arquivo com todos os dados, separados por linhas e por vírgulas, como num arquivo CSV. Só que se você importar esses dados como se fosse um arquivo CSV, através de alguma ferramenta apropriada para arquivos CSV, você perderá informações que estão salvas nesse arquivo de dados. Logo, por mais que pareça um CSV, não o trate como se fosse um.

Importando no formato SPSS

Coloque ambos os arquivos no mesmo diretório, e se o SPSS Modeler estiver associado à extensão .sps, basta clicar no arquivo que o SPSS Modeler abrirá-o. Daí, é clicar em Executar → Todos e processar os dados, salvando o resultado no formato .SAV. Se não funcionar, faça os seguintes passos:

  1. Abra o SPSS.
  2. Escolha Arquivo → Abrir → Sintaxe
  3. Escolha o arquivo apropriado (o arquivo de sintaxe, com extensão .sps).
  4. Altere a linha que informa qual é o arquivo de dados (/FILE=’survey_xxxx_SPSS_data_file.dat’) para incluir o caminho onde os arquivos estão (ou seja, /FILE=’c:\data\survey_xxxx_SPSS_data_file.dat’).
  5. Marque todo o conjunto de comandos (todo o texto) e execute, com Executar → Todos a partir do menu. Depois de um tempo, todo o conjunto de dados terá sido processado pelo SPSS.

Páginas Relacionadas