O livro, no Drupal, é uma coleção de textos. Esses textos podem ser formados por páginas ou posts. Se você quiser compor um artigo ou uma página estática, com imagens, texto e outros elementos, a melhor opção é usar o recurso da página, pois ela será arquivada dessa forma. As páginas criadas não estarão automaticamente na página inicial do site, mas poderão ser manipuladas e colocadas Se você quiser colocar textos curtos, como notícias, a melhor opção é usar posts. A página gerada com os posts será localizada imediatamente como a primeira, mas isso pode ser alterado (veremos depois como).

As configurações para compor páginas são as mesmas para compor posts para o blog. Caso você deseje habilitar o book (livro) como tipo de conteúdo, siga estes passos:

  1. No Drupal, clique em Administrar, e depois em Construção do site.
  2. Em Construção do site, clique em Módulos.
  3. Em Módulos, procure pela categoria Núcleo – opcional, e marque o módulo Book como habilitado.
  4. Clique no botão Salvar configurações, no final da página.

A interface de edição é pobre, mas se tivermos os módulos CKEditor e IMCE instalados, teremos um editor WYSIWYG disponível via Web com capacidade de fazer upload de imagens, o que facilita em muito o nosso trabalho. No Drupal, tudo é organizado na forma de um livro. Logo, a página que contém os posts dos blogs são livros, assim como as páginas montadas pelo Drupal com os tópicos dos fóruns, entre outros. Quando formos organizar o nosso conteúdo, iremos manipular os livros montados pelo Drupal. Quanto às opções específicas, elas são:

  1. Título: Titulo do post redigido por você para o blog.
  2. Configurações de menu: Caso você queira que esse post redigido por você seja colocado como um item do menu do Drupal, é aqui que você poderá fazê-lo:
    • No campo Título do link do menu, o texto que aparecerá no link do menu será definido. Se você não quiser adicionar um link para este post no menu, deixe este campo em branco.
    • No campo Item Superior, você definirá onde esse post aparecerá no menu do Drupal. Dessa forma, você pode acrescentar um conteúdo criado por você ao menu do próprio Drupal, o que é algo bem específico e avançado entre os usuários.
    • No campo Peso, você irá definir qual será o peso do seu post que será acrescentado ao menu. Esse valor influencia na ordenação: Um item mais “pesado” aparece primeiro na ordem das páginas.
  3. Corpo: Você inserirá nessa caixa o conteúdo que deseja acrescentar ao Drupal. Quando clicamos no botão Split summary at cursor, significa que a caixa Corpo é desmembrada em duas caixas. A primeira caixa é o resumo, onde podemos acrescentar um resumo do conteúdo que será usado pelo Drupal. A segunda caixa é o corpo do texto. Note que o botão mudou para Join summary, e ao clicar, as duas caixas são novamente reunidas. A caixa Exibir resumo na visualização completa permite que você adicione o resumo criado para esse conteúdo na página principal. A ideia é que o resumo seja uma breve apresentação do conteúdo, mais extenso, e que seja lido apenas por quem quer ler todo o conteúdo.

Vamos agora às opções comuns:

  1. Formato de entrada: Você pode usar tags HTML no seu tópico no fórum, e aqui você pode definir a forma pela qual será interpretada.
  2. Estrutura do livro: Aqui podemos definir em qual livro do Drupal esse tópico do fórum fará parte, e o seu peso:
    • No campo Livro, você definirá em que livro seu tópico sairá. Além das páginas já criadas, você pode colocar em (ou seja, o tópico não será publicado agora), ou em (onde um novo livro para acomodar esse tópico será criado).
    • No campo Peso, o valor colocado permite influenciar na ordenação dos livros: Um livro mais “pesado” aparece primeiro na ordem das páginas. Caso o peso seja o mesmo, o critério de desempate será a ordenação alfabética.
  3. Informações da revisão: Você pode criar um conteúdo e depois criar anotações a respeito das alterações realizadas posteriormente no texto, através desse campo.
  4. Configurações dos comentários: Aqui você pode determinar como o Drupal vai lidar com comentários nesse conteúdo redigido. Alguns tipos de conteúdo não tem a necessidade de terem comentários liberados. Por exemplo, páginas de livros não precisam ter comentários, assim como certos posts de blogs que são informativos. Para isso, basta colocar a opção em Desativar. Caso você queira dar ao usuário a possibilidade de comentar esse conteúdo criado por você, basta deixar a opção em Leitura/Escrita.
  5. Arquivos anexados: Caso você queira anexar um arquivo ao seu conteúdo criado, você pode fazê-lo através desse campo. Basta selecionar qual é o arquivo (botão Escolher arquivo), e depois clicar em Anexar para o arquivo ser repassado ao servidor.
  6. Autoria: Esse campo é reservado para alterar quem é o autor do conteúdo (Escrito por), e quando ele foi publicado (Escrito em).
  7. Opções da publicação: Aqui, algumas características especiais para o seu conteúdo, como declarar ao Drupal que ele foi publicado (Publicado), se você quer que esse conteúdo apareça na primeira página (Promover à página principal) e se ele quer que esse conteúdo surja em destaque, no topo da página principal (Destacado no topo da página).

Postando a partir de uma ferramenta

Acrescentar conteúdo a uma página, quando é um texto rápido e despretensioso, é fácil de fazê-lo a partir da interface Web. Mas para grandes volumes de texto, certamente é mais fácil fazê-lo a partir de uma ferramenta para postagem em blogs. Existem diversas ferramentas disponíveis para fazê-lo, como:

  • Extensões para navegadores como Mozilla Firefox e Google Chrome, como o ScribeFire.
  • Aplicativos desktop, como o Live Writer, Thingamablog ou BlogDesk (Windows), blogilo, gnome-blog ou blogtk (Linux), illumineX, MacJournal ou Ecto (Mac OS X).

Páginas Relacionadas