O que é um comércio eletrônico e por que criar uma loja online?

O que é um comércio eletrônico e por que criar uma loja online?

O comércio eletrônico, ou e-commerce, é uma transação comercial feita através de um equipamento eletrônico, como, por exemplo, um computador. Esta transação comercial pode se dar entre organizações (B2B), entre organizações e indivíduos (B2C) ou entre 2 indivíduos (C2C).

O processo começa com a aquisição de bens, produtos ou serviços e segue até a liquidação financeira fazendo uso de meio de pagamento eletrônico.

Comprar ou vender pela Internet é um exemplo de comércio eletrônico. Muitos ramos da economia estão ligados ao e-commerce. Se toda a estrutura estiver interligada, com clientes, fornecedores e distribuidores, isto facilitará a comunicação e aumentará a agilidade.

A relevância do e-commerce para os dias de hoje

A métrica usada para saber a média de compras feitas em um estabelecimento comercial é o ticket médio. Esse valor é obtido calculando a média do valor de vendas e o número de clientes que geraram esse montante dentro de um período estabelecido.

No Brasil, em 2017, o ticket médio ficou em R$ 211,94, segundo a pesquisa “E-commerce Radar 2017 – Resultados do mercado de e-commerce do Brasil” da Neomove, em parceria com ABComm.

Mesmo com as dificuldades que o Brasil tem passado nos últimos tempos, o comércio eletrônico cresceu 12% em relação ao mesmo período em 2016, e registrou um faturamento de 59,9 bilhões de reais. Foram mais de 203 milhões de encomendas sendo entregues.

A previsão para 2018 é que o crescimento seja de 15% em relação a 2017, com um faturamento próximo a 70 bilhões de reais, e um especial crescimento em transações realizadas por dispositivos mobile: uma entre cada três vendas será concretizada a partir de um celular, em 2018.

Com isto, percebemos que há um filão a ser explorado, e que o e-commerce não esgotou suas possibilidades.

Motivos pelos quais as pessoas ainda não compram pela Internet

Mesmo assim, existem pessoas que não se sentem motivadas a comprar online. Abaixo temos alguns dos motivos alegados:

  • A pessoa tem medo de ter seus dados bancários roubados;
  • O cliente em potencial tem medo de ser vítima de uma fraude;
  • A pessoa tem dificuldade de acesso à Internet;
  • O comprador deseja ter contato físico com os itens a serem adquiridos;
  • O cliente tem resistência, pois crê que há diferenças entre o produto apresentado e o produto real;
  • Tem quem não quer ou não pode esperar a entrega do produto, que está sujeita aos processos das empresas de logística, sejam elas: o operador postal (no nosso caso, os Correios) ou transportadoras e empresas de courier;
  • Há quem não queira comprar online, devido às despesas decorrentes do frete;
  • Algumas pessoas não desejam comprar pela Web porque, caso seja necessário realizar uma devolução ou fazer uma troca, isto será um processo enfadonho: remeter o produto recusado de volta para então realizar a troca.
  • Alguns clientes preferem realizar as compras como um processo dentro de um momento de lazer.

Estas são restrições e resistências com as quais qualquer proprietário de loja virtual terá que lidar, e aí entra o papel do marketing bem feito: quebrar essa resistência das pessoas, mostrando as vantagens do comércio eletrônico e tudo o que é feito para contornar e evitar problemas como falhas de segurança.

Vantagens de ter um comércio eletrônico  e vender pela Internet

Vamos então a algumas vantagens:

  • A loja não fecha: é possível adquirir um produto fora do horário comercial;
  • Dispensa locomoção até a loja;
  • É possível receber informações a respeito do produto a ser adquirido numa rápida pesquisa na Internet;
  • Há mais opções de produtos disponíveis, por ter mais lojas disponíveis;
  • Possibilidade de realizar pesquisas e adquirir os produtos em lojas com preços mais convidativos;
  • A participação em leilões virtuais;
  • Estabelecimento de relacionamentos em torno de um produto. É comum encontrar comunidades em torno de interesses comuns, como hobbies.

As vantagens são muitas e há muitas pessoas realmente interessadas nessa forma de aquisição. Ainda há um grande espaço a ser desbravado. É aí que as novas lojas se encaixam.

Links Relacionados: 

https://www.hostnet.com.br/criar-loja-virtual/ 

https://www.hostnet.com.br/ebook/

Este é o 1º artigo de uma série sobre comércio eletrônico, que dará vida a um e-book sobre o tema. Acompanhe abaixo os outros títulos!
  1. https://www.hostnet.com.br/blog/o-que-e-um-comercio-eletronico-e-por-que-criar-uma-loja-online/
  2. https://www.hostnet.com.br/blog/acerte-na-escolha-da-plataforma-da-sua-loja-virtual/
  3. https://www.hostnet.com.br/blog/tecnologias-de-seguranca-para-lojas-virtuais-e-e-commerce/
  4. https://www.hostnet.com.br/blog/acerte-no-metodo-de-pagamento-da-sua-loja-online/
  5. https://www.hostnet.com.br/blog/atendimento-ao-cliente-e-marketing-para-lojas-virtuais/
  6. https://www.hostnet.com.br/blog/como-funciona-a-logistica-de-uma-loja-virtual/
 

Write a Reply or Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *